SIADAP E A PROGRESSÃO NA CARREIRA NAS AUTARQUIAS LOCAIS

Enquadramento

Está previsto o descongelamento das progressões nas carreiras, a partir de 2018, sendo que a lei prevê a possibilidade de progressões obrigatórias e  gestionárias, mas ambas dependentes das notas obtidas pelos funcionários públicos na avaliação do seu desempenho.

O SIADAP estabelece o sistema Integrado de gestão e avaliação do desempenho na Administração Pública. O SIADAP visa contribuir para a melhoria do desempenho e qualidade de serviço da Administração Pública, para a coerência e harmonia da acção dos serviços, dirigentes e demais trabalhadores e para a promoção da sua motivação profissional e desenvolvimento de competências.

Linhas  Gerais do Programa:

Âmbito – Considerações gerais

Formas de avaliação comum e de substituição

Regimes específicos: Simplificado e Juntas de freguesia

  • SIADAP 1 – Avaliação das unidades Orgânicas
  • SIADAP 2 – Avaliação dos dirigentes
  • SIADAP 3 – Avaliação dos trabalhos

Parâmetros da avaliação e a diferenciação dos desempenhos

Intervenientes no Processo da avaliação

  • Avaliador
  • Avaliado
  • CCA- Conselho coordenador da avaliação
  • Comissão Paritária
  • DMS – Dirigente máxima do serviço

As diversas fases do procedimento e respetivos efeitos profissionais.

(opções de gestão e o sistema de pontos na alteração do salario

Destinatários:

Dirigentes, Coordenadores, técnicos, técnicos superiores de Recursos Humanos/Gestão de Pessoal, em particular aqueles com responsabilidades na gestão do processo.

Objectivos Gerais:

Compreender os principais conceitos e características de um sistema de gestão e avaliação de desempenho como o SIADAP

Reconhecer a importância de implementar o SIADAP na gestão de RH e na progressão das carreiras dos funcionários nas autarquias locais

Compreender as especificidades da avaliação de desempenho nas autarquias locais, nomeadamente naquelas que empregam menos de 20 pessoas

Conhecer a forma como os funcionários não avaliados no âmbito do SIADAP, poderão ter progressão na carreira

Formador

Dr. António Vicente

  • Licenciado em Sociologia do Trabalho (ISCTE)
  • Pós-graduação em Direito das Autarquias Locais
  • Formador do CEFA na área de Gestão de Recursos Humanos
  • Portador do Certificado de Aptidão Profissional nº 1453/98 do IEFP.
  • Formador em diversas Autarquias e Associações de Municípios
  • Colaborador nas “Revista da Administração Local” e “Municipal/ATAM”
  • Dirigente Sindical no período de 72/87 (sector do Comércio e Serviços)
  • Ex-delegado da ATAM no distrito de Setúbal
  • Foi Consultor/Formador na C.M.Seixal
  • Foi Chefe de Divisão de RH nos SMTCB
  • Director de Departamento de Gestão de RH da CM Barreiro (ap.)

Carga Horária:

14 horas

Próximas Datas:

15 e 16 maio 2019 – Lisboa

5 e 6 jun 2019 – Aveiro

14 e 15 novembro 2019 – Lisboa

25 e 26 novembro 2019 – Porto

Horário:

09h:30 – 17h:30

Local da Formação & Contactos:

Tel: +351 211601221 │ + 351 919593960

E-mail: formacao@noerus.pt

Valor & Modo de Pagamento

  • Como Fazer a sua Inscrição

Preencher e enviar a ficha de inscrição, por e-mail (formacao@noerus.pt). Não esquecer de designar a ação de formação em que se inscreve e respectiva data no cabeçalho da ficha de inscrição

As inscrições devem ser realizadas até 8 dias antecedendo a data de início da formação.

Valor

250,00€    |   200,00€  / pessoa ( mais do que uma inscrição) – Isento de IVA

  • Modo de Pagamento

Transferência bancária para NIB: PT500010000039446590 0011 9

Número mínimo de formandos:

A ação de formação decorrerá com o mínimo de 10 pessoas e o máximo de 20

Cancelamentos & Devoluções:

Conforme pontos 2. e 5. do Regulamento da Formação

Ficha de Inscrição

Regulamento da formação

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search